quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

O chamado


No texto de Isaías capítulo 6 está registrado uma das experiências mais incríveis que pode rolar com alguém: Contemplar o Senhor.

Esse profeta estava de luto pois seu rei havia morrido.E nesse período difícil ele vai ao templo e contempla a glória do Senhor.Ele plenamente contempla o Deus de quem ouvira,cria e falava.E no versículo 5 fica claro que essa visão lhe faz temer por sua própria vida:” Ai de mim pois estou perdido;porque sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios; e os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos exércitos.”
Isaías estava diante do Senhor, mas esse registro continua e um serafim(anjo de seis asas do hebraico “saraf” que significa queimar ou incendiar) tocou uma “tenaz” ou brasa,em outras traduções, na boca do profeta e a partir daquele momento os pecados dele foram perdoados e sua iniqüidade retirada.

Esse texto me fez refletir sobre o nosso chamado.Em Marcos 16:15 fica claro qual é a nossa missão.Mas muito de nós mesmo depois de termos esse encontro com Deus nos questionamos sobre o nosso chamado fazendo as vezes confusão entre o chamado e o dom.
Tenho amigos que me respondem que não sabem o que é o seu chamado pois não tocam,nem dançam,nem servem pra fazer teatro ou estar na frente de uma igreja pregando.Quando essas atividades são ferramentas que o Espírito Santo distribui.É fato que nem todos nascem com o dom da oratória,mas a ordem de se levar o evangelho alcança a todos pela simplicidade da mensagem que é: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que enviou seu filho para que todo aquele que nele crer não pereça mas tenha a vida eterna.”A nossa missão é levar o amor de Deus as pessoas que Deus nos permite conviver sendo testemunha do agir de Deus em nossas vidas.Nem sempre será possível cantar,dançar,fazer teatro,discursos em público.Mas sempre é possível mostrar Deus em nosso dia a dia pois Ele é EMAUEL- DEUS CONOSCO.A igreja do Senhor deve se mover em direção ao seu chamado que é levar as boas novas do evangelho.Nós já nos encontramos com o Senhor e contemplamos a Sua glória. Te desafio a lembrar do dia maravilhoso de sua conversão onde algo que você ouviu encontrou lugar no seu coração e quando Ele entrou você começou a ver Sua obra em sua vida e hoje pode sentir Sua presença com você.Esse é o maior testemunho que pode ser dado, a sua transformação.
Mas a história não termina aqui, depois de transformado pelo fogo do Senhor,há uma pergunta: “Quem enviarei? Quem vai pregar por nós?
“Eis-me aqui, envia-me a mim!” Isaías se rendeu a Deus e disse conta comigo,não sei exatamente como Senhor,mas se você precisa conta comigo.
Já fomos purificados pela palavra de Deus e já o temos em nossas vidas agindo e se manifestando.Agora é só nos rendermos ao chamado e deixar Cristo nos guiar em nossa jornada.

“Ide e fazei discípulos de todas as nações.”

Deus te abençoe

Rodrigo Silva

domingo, 9 de dezembro de 2012

Seja um embaixador!


“Tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, ou seja, que Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não levando em conta os pecados dos homens, e nos confiou a mensagem da reconciliação. Portanto, somos embaixadores de Cristo, como se Deus estivesse fazendo o seu apelo por nosso intermédio. Por amor a Cristo lhes suplicamos: Reconciliem-se com Deus.” 2Co 5:18-20

Hoje uma parte desse versículo bateu forte em meu coração quando um amigo em que há algum tempo lutávamos para trazê-lo de volta ao Senhor conversava comigo e eu podia ver o amor de Deus revelado em seus olhos. Ele me contava que quando nosso outro amigo falava com Ele sobre Deus, era como se o próprio Deus estivesse com as mãos sobre o ombro dele falando aquelas palavras.. “Como se Deus estivesse fazendo o seu apelo por nosso intermédio”, e a minha pergunta foi: “será que Deus está fazendo o apelo dele por meu intermédio?”. Nós sabemos que recebemos o ministério da reconciliação, e que é nosso dever levar as pessoas a se reconciliarem com Deus, mas será que somos capazes de ser boca de Deus nessa terra? Temos nos preparado pra isso?
A gente tem vários exemplos de pessoas que como esse meu amigo, são verdadeiros embaixadores de Deus, mas existe alguém que foi o maior embaixador de Deus nessa Terra: Jesus Cristo! Ele veio em forma humana representar Deus e se fez caminho para nossa reconciliação com o Pai e não poupou esforços para falar a todos quanto pudesse que isso era real e possível. Ele se esforçou pra dizer “façam as pazes com Deus” e mais do que isso, se tornou o meio para que isso realmente pudesse acontecer. E seguindo a ordem bíblica de que temos de seguir o exemplo de Cristo(Ef 5.1), nada mais nos resta do que nos esforçar para sermos esses embaixadores. Você tem vontade de que Deus faça Seu apelo através de você? Queira ser usado, se disponha diante dEle e batalhe pra isso..leia a bíblia, converse com Deus, busque por em prática o aprendido, esteja em comunhão com os irmãos e se encha de tudo que é de Deus; quando a gente vive pelo Espírito(Gl 5:16) ficamos mais próximos de Deus e aptos para ouvir Sua voz.. não desperdice sua vida, invista em algo maior do que você,faça aquilo para o qual foi comissionado e depois os frutos serão coisas como estas: um menino que estava indo para o mundo das drogas sendo restaurado por Deus, tudo isso porque um dia alguém percebeu que era embaixador de Cristo e não somente um frequentador de Igreja.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

O Poder do Perdão



Hoje foi mais um dia em minha vida para colocar em prática a Palavra. Não comecei da melhor forma, afinal quem deixou minha irmã bastante chateada foi eu mesmo. Após uma pergunta um tanto quanto irônica que fiz a ela durante uma conversa entre ela e minha mãe, fez com que ela resmungasse algo e saiu correndo muito chateada. É claro que não medi minhas palavras antes que elas saíssem da minha boca, mas depois que saiu e chegou aos ouvidos da minha irmã não pude fazer nada para evitar o estrago.  


"Olhai por vós mesmos. E, se teu irmão pecar contra ti, repreende-o e, se ele se arrepender, perdoa-lhe.
E, se pecar contra ti sete vezes no dia, e sete vezes no dia vier ter contigo, dizendo: Arrependo-me; perdoa-lhe."
Lucas 17:3-4

Bem, depois que percebi a grande besteira que havia feito não restava outra alternativa além de pedir seu perdão. Então esperei alguns minutos para esfriar o clima, criei coragem e fui até ela pedir perdão.
Acho incrível o poder que essa palavra tem: "Perdão". Seja algo que fazemos sem intenção ou até mesmo fazemos por querer mas depois acabamos arrependendo de ter feito.
Por outro lado a falta desta palavra causa desastres enormes: casais que se separam, irmãos que não se falam mais, grandes amizades desfeitas, filhos revoltados com seus pais...
Quem sabe você está vivendo isso, foi ferido profundamento por alguém mas, por causa do seu coração que não consegue perdoar esta pessoa, vocês estão numa guerra sem fim. Mesmo ela não pedindo seu perdão, talvez porque essa pessoa nem sabe que te machucou, a melhor escolha é você perdoá-la.
 Se no seu coração não existe mágoa contra ninguém então surgi um desafio para você: pedir perdão para alguém que você machucou. Esse desafio é simples quando você percebe "de cara" que entristeceu alguém como foi no meu caso. Mas e quando a pessoa não fala nada? De repente a pessoa começa a afastar de você, não quer mais conversar e você nem sabe o que aconteceu. Preste bem atenção nestes sinais e nas últimas coisas que você fez ou falou com esta pessoa que você poderá descobrir que o problema está em você dizer: perdão.

"Eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores, ao arrependimento."
Lucas 5:32

Termino dizendo que Jesus é o perdão de nossos pecados. Através de sua morte podemos adquirir o perdão de Deus quando nos arrependemos. E quero deixar em destaque essa palavra: "arrependimento". Quando você percebe o quanto tem desobedecido ao Senhor e resolve então mudar completamente de atitude, isso é arrependimento.
Arrependa-se, peça perdão e leia a Palavra e você descobrirá o tanto que tem entristecido o Senhor sem perceber, mas você saberá também o que fazer para agradá-lo.

Deus te abençoe.
 Wendell Albino

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Motivação Correta


Fala galera! Estou aqui para compartilhar com vocês uma experiência muito legal que me aconteceu.
Estive no último final de semana participando de um evento evangelístico na Praça Nobel no bairro Grajaú no Rio de Janeiro chamado “Se ligai-vos”, este estava na sua segunda edição. Uma proposta muito legal de interação da juventude de uma igreja com o sentido do “Ide” que o nosso Senhor deixou. Passei a tarde toda na praça com a galera da organização trocando uma idéia preparando os últimos detalhes.
Mas a minha experiência começou um mês antes quando o convite chegou.  Meu brother Adib me ligou com o convite, explicou o evento, seu objetivo, a galera que estava envolvida. Deus me deu uma banda há algum tempo (uma longa história para outro dia rsrsrs) e o convite era pra agente participar. Como não vivemos da banda e todos os recursos gerados partem de nós mesmos, perguntei ao Adib se haveria possibilidade de a igreja nos apoiar com o combustível dos carros, mas ele de antemão me passou que não ia rolar porque era uma igreja pequena e com muito custo estava realizando o evento.
Como já disse Adib é um brother antigo, já tivemos uma banda juntos e cultivamos uma amizade maravilhosa em Deus. Ele foi por muito tempo discipulado pelo guitarrista da minha banda hoje e temos uma relação ótima. Ele como nosso amigo, se propôs a ajudar, mas sentimos no coração de não receber ainda qualquer tipo de ajuda.
Nos reunimos para discutir como seria. Se agente iria topar mesmo ou cancelar. Então começamos a pesar o desafio que seria levar os equipamentos já que tocamos metal alternativo e precisamos de alguns equipamentos específicos, pesamos distancia, o gasto, enfim... tudo. E nos perguntamos se era o que faríamos. Pra nós foi uma alegria ver o Adib empolgado e praticamente a frente do evento! Imagina a emoção de ver um brother que cresceu e conheceu Jesus junto com agente agora dando seus passos longe como quem cresceu em Deus, é muito legal viver isso. Então começamos a nos perguntar por que fazemos o que fazemos. Por que compomos? Por que nos unimos pra tocar? Qual é o nosso chamado? E a responda era a mesma pra todos: ”Levamos a palavra de Deus, é pra isso que estamos aqui!!”
Cara e como essa resposta foi maravilhosa!!Porque agente mais uma vez, se sentiu comprometido com o verdadeiro chamado que não é tocar, cantar e fazer rock in roll!!
É MOSTRAR PRO MUNDO QUE DEUS ESTA NAS PRAÇAS,NA CIDADE,NO INTERIOR ATRAVÉS DE CADA UMA DAS INICIATIVAS DO SEU POVO QUE O AMA INCONDICIONALMENTE, QUE MOSTRA SUA CARA DANDO TUDO DE SI EM NOME DE UM AMOR TÃO VERDADEIRO QUE ULTRAPASSA QUALQUER DESAFIO PARA QUE MAIS UM CONHEÇA ESSE DEUS!!
E a resposta de Deus não poderia ser diferente da que encontramos. O evento rolou e agente foi edificado pelas músicas, palavra e comunhão. Uma experiência única pra gente.
Deus nos ensinou sobre identificar qual era a nossa motivação. A obra de Deus é cheia de desafios e está escrito: “Aquele que põe a mão no arado, de maneira nenhuma pode olhar pra trás”. Aprendemos que esse amor pelo o que é importante pra Deus, às pessoas, é o que deve ser o alvo sempre. Sou grato por essa lição e que venham outras. Essa palavra é pra você que talvez ache que as dificuldades são enormes pra se fazer o que Deus te chamou pra fazer.
Cara deixa Deus te mostrar que a palavra que ele deu a Josué é verdadeira: “Se forte e corajoso, não temas nem desanimes pois eu serei contigo”.lembre-se que a obra é Dele e Ele é quem faz. Tenha a certeza de que o Senhor fará com que o Amor dele mesmo esteja com você para te guiar.

Deus te abençoe,
Rodrigo Silva

domingo, 11 de novembro de 2012

GPS Espiritual



“Há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte.” Pr 14:12



            Paulinho tinha 14 anos e um dia seus amigos da escola apresentaram a ele uma erva que segundo eles, “deixa a gente muito loco”. Paulinho não viu nada demais em experimentar, afinal, se a sensação era tão boa, que mal poderia ter? Tudo que ele queria era algo que o preenchesse e aquilo parecia ter todas as características para o que ele queria, então embarcou nessa crendo que era o certo. Não ouviu ninguém que o aconselhou ao contrário, acabou se aprofundando muito nesse caminho e por fim já não aguentava mais viver sem aquilo e outras drogas mais fortes que o corpo dele foi exigindo. Acabou morrendo de overdose alguns anos depois da primeira tragada.

            Pra muitos, essa pequena historinha pode ser até clichê e batida, mas é algo que ainda acontece muito nos nossos dias e tem aumentado absurdamente, inclusive dentro das igrejas. E é um claro exemplo prático do versículo do início do texto. Quantos hoje não tem seguido seus próprios caminhos e estes os tem levado á morte? Muitos! E não pense que só o que se envolve com as drogas que está se enganando.. as pessoas hoje tem seguido caminhos que podem nao mostrar uma conseqüência mortal agora, mas no futuro.
            Quantos não tem se recusado ouvir a voz de Deus a mostrar o caminho, e tem se levado para lugares de sua própria vontade? Toda a direção que não é a de Deus te leva pra morte.
            Vigia querido, por onde você tem andado? Qual tem sido seu caminho? Será que temos escolhido fazer uma faculdade porque aquela profissão ganha muito dinheiro e não porque pode de alguma forma ajudar as pessoas? Será que o meu caminho tem sido o de achar que eu mereço as coisas e por isso acho certo colocar Deus na parede quando não recebo a minha “benção”? Será que eu não tenho escolhido seguir mais a religião e a vida eclesiástica do que o próprio Cristo? Meu caminho está me levando pra onde? Pra uma vida aos pés de Jesus, ou para uma vida maquiada de certa?
            Mas vc pode estar pensando “ e se meu caminho estiver errado, como faço para encontrar o certo?” querido, agradeça a Deus porque vc tem um GPS Espiritual, que é o Espírito Santo, que te conduz pelo caminho certo na vida. Ele é o único que pode te conduzir e mostrar quais estradas estão em boas condições e quais não.. quais são aqueles caminhos que Deus não quer de vc e aqueles que Ele anseia que vc ande.. se aproxime de Deus, busque intimidade com Seu Espírito em oração, leitura da palavra( que segundo a blogueira Lenara, é o nosso kit salvação com todas as respostas) e tudo que é dEle, porque assim vc vai estar sensível a escutar a voz Dele quando mandar vc parar e dar meia volta e ir por outro caminho, pq aquele que estava indo, tinha um precipício bem no final.

Tenha uma ótima semana no Senhor Jesus!
Deus abençoe, abraços

            

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Dê a Deus o Seu devido lugar





“O rei Davi já morava em seu palácio e o SENHOR lhe dera descanso de todos os seus inimigos ao redor. Certo dia ele disse ao profeta Natã: ‘Aqui estou eu, morando num palácio de cedro, enquanto a arca de Deus permanece numa simples tenda’ “.                                      2Sm 7:1-2

A arca do Senhor, no Velho Testamento, significava a presença dEle. Se você ler um pouco mais abaixo, quando Deus fala ao profeta Natã uma mensagem para ele entregar a Davi, diz “Você construirá uma casa para eu morar? Não tenho morado em nenhuma casa desde o dia em que tirei os Israelitas do Egito”(v.5,6). Sendo a Arca do Senhor, a Sua própria presença, Davi caiu em si e percebeu o que estava fazendo: Enquanto morava em um grande palácio, a arca do Senhor, ou seja, Ele mesmo, estava numa simples tendinha! Davi reconheceu que havia algo errado e por isso decidiu mudar a situação.
Lendo essa passagem e tendo essa breve interpretação, pude perceber o quanto temos agido como Davi nesses dias, temos vivido em nossos lindos “palácios de cedro” e temos deixado Deus com uma simples “tenda” do lado de fora. Ou seja, muitas vezes usufruímos de tudo que temos, aproveitamos ao máximo nossa TV de LED, nosso computador novo, nossa nova coleção de livros, nosso carro do ano, dedicamos tanto tempo na academia para termos o corpo perfeito.. e não percebemos que a alma tá precisando há muito tempo de uns exercícios, porque daqui a pouco vai morrer atrofiada e sem saúde alguma (1Tm 4:8), e Deus nisso tudo acaba ficando lá, guardadinho no quarto dos fundos, que nós só lembramos de visitar quando alguma coisa dá errado e precisa das “ferramentas de conserto” que em geral ficam nesses quartinhos. Ou então, pros mais crentes, antes de dormir dá pra dar uma passadinha rápida lá no quartinho e ver como Ele está, trocar algumas palavras, agradecer pelo dia e pedir que abençoe o sono, pra que no dia seguinte tenha bastante disposição pra poder fazer aquele monte de coisa que não lembram Deus num só momento.
Se você ler o resto da fala de Deus a Natã (do versículo 5 ao 16) verá o quanto Deus ficou feliz com aquela atitude de Davi e fez várias promessas maravilhosas a ele. Com isso podemos perceber que Deus se alegra quando tomamos a decisão de honrá-Lo em nossas vidas, quando percebemos que temos dado muito pouco a ele e o colocado como o último e escolhemos transformá-lo no mais importante e tirá-lo do quartinho dos fundos e dar a Ele toda a casa, Ele se agrada de nós e começa a agir em nossas vidas, porque como Ele pode mostrar a sua vontade, falar ao coração e dirigir nos passos da vida quem só fala com Ele 2 minutos por dia e nem dá tempo pra Ele responder? Ou seja, não abre caminho para um diálogo?
Que hoje você entenda como Davi, que não é merecedor de nada, nem da presença de Deus (cap. 7, v 18 a 28), mas se alegre profundamente porque mesmo sendo do jeito que é, Deus te dá a oportunidade de construir para Ele um Palácio de Cedro, utilizando seu tempo, disposição, amor, vontade, dedicação, coração, alma, entendimento..ou seja, você como um todo.

sábado, 13 de outubro de 2012

Vá, pregue e morra!




São nas pequenas coisas que Deus se revela, mostra a sua vontade e muda vidas. Nós só precisamos estar atentos pra poder perceber os detalhes que Ele tem nos mostrado a cada dia.


Hoje na escola vi o filme “Diamante de Sangue” que mostra a luta de rebeldes e pessoas muito ricas atrás de diamantes, só que para conseguirem isso matam muitas pessoas, a maioria de tribos e cidades africanas, homens, mulheres, crianças.. todos inocentes. E em meio a tanto sofrimento naquelas cenas, o que mais me chocou foi qdo o Danny Archer(Leonardo DiCaprio)  um homem “branco” que também está atrás dos diamantes (e matando alguns pra isso), diz mais ou menos assim “Às vezes fico pensando se Deus algum dia perdoará nossos erros” e “Deus já foi embora daqui tem muito tempo..”. Se vc nunca viu nenhum filme que mostrasse as guerrilhas que acontecem na África, te convido a pelo menos imaginar e ter uma ideia de como é terrível viver num lugar em que rebeldes chegam a sua comunidade e matam a todos, roubam seus filhos e maridos, violentam suas mulheres.. e pensar que quem vive num ambiente assim tem todos os motivos pra crer que Deus não está mais ali faz tempo mesmo.
Mas o fato é que Ele está. E (apesar de ser só um filme, tudo isso são coisas que realmente acontecem, muito pior até do que o retratado pela industria do cinema) se esse é um povo que mesmo sendo tão sofrido continua a crescer tanto, deve ter algum motivo. E o motivo é que Deus os ama, assim como nos ama. Mas eles infelizmente não sabem e muitos nem fazem ideia de que existe Deus. Eles precisam crer em Cristo para serem salvos, “mas como crerão de quem nada ouviram? Como ouvirão se não há quem pregue?” (Rm 10:14), e tudo isso mexeu muito comigo porque me fez perceber o quanto os cristãos ocidentais são confortáveis, o quanto nossas mega igrejas nos fazem nos sentir bem aos domingos, e o quanto isso tem nos matado. Sim, o conforto, as facilidades e a vida boa que temos desse lado do globo tem nos sufocado a ponto de não enxergarmos como tem gente que precisa. Se tivesse um cristão verdadeiro ali perto daquele homem, ele poderia ficar sabendo que era só se arrepender e crer em Cristo que Deus perdoava os seus erros, se tivesse alguém ali que abandonou tudo pra poder gerar vida num país em que a morte é mais normal do que qqr outra coisa, ele saberia que Deus não tinha ido embora e muito pelo contrário, está querendo mudar e transformar as coisas.
Mas quem será essa pessoa? Quem largará sua vida boa, seus carros, suas faculdades e bons empregos? Quem são aqueles que amarão Cristo de tal forma que os fará largar suas vidas para poder morrer por Ele? Quem está disposto a talvez estudar 4 anos e depois ir ser missionário num desses lugares e morrer em menos de um ano? Alguém se habilita?
“Então Ele(Jesus) chamou a multidão e os discípulos e disse: ‘Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá; mas quem perder a sua vida por minha causa e pelo evangelho, a salvará. Pois, que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que dará o homem em troca de sua alma?’ ” Mr 8:34-37
Palavras de Jesus. O que adianta trabalhar sua vida inteira e ser cristão por 50 anos se tudo o que conseguiu ajuntar foram tesouros que não poderá levar para a eternidade? Do que adianta negar a vontade de Deus e viver uma vida mesquinha que só quer saber dos próprios interesses, se Jesus já avisou que quem age dessa maneira perde sua vida? Os cristãos de hoje precisam dedicar suas vidas à morte. À morte de si mesmo, porque se não negar a própria vontade é impossível escutar a voz daquele que fala para nos dedicarmos a quem precisa.
Ainda agora, conversando com um amigo sobre o filme e tudo que Deus ministrou a mim, ele compartilhou de um dia em que eu, ele e mais alguns amigos estávamos discutindo sobre onde iríamos nesse feriado e naquele impasse do que íamos fazer, uns lugares que já estávamos enjoados e tal..ele falou que naquele momento pensou “tem crianças do outro lado do mundo sem comida e a gente aqui discutindo em como vamos nos divertir?!”. E eu acredito que é bem isso que às vezes passa no coração de Deus “Pessoas morrendo pra todo lado sem o evangelho e os que deveriam ser meus embaixadores discutindo futilidades!”
Que Deus tenha misericórdia de nós e nos leve a sonhar com o que Ele sonha. Que aqueles que conhecem a Cristo possam pesar em suas balanças espirituais e ver pra que lado de Marcos 8:34-37 está sua vida e se levantar pra poder mudar alguma coisa.

“A necessidade é tremenda! E eu não vou dizer que a necessidade é tão grande que Deus não conseguirá sem você. Deus conseguirá sem você. Mas, que perda! Que tamanha perda de alegria. Eu te convido para uma vida de verdadeiro sacrifício. E para uma vida de alegria sem igual e cheia de glória. Alguns de vcs jovens, precisam pensar sobre isso, vocês precisam pensar sobre sair por aí e pregar o evangelho, sofrendo por Cristo e saboreando com esse sofrimento.. Vale a pena sofrer por Ele, jovem e não desperdice a sua vida! Saia por ai e pregue o evangelho! Vá para o campo, pregue o evangelho onde só existem trevas, pregue o evangelho de Jesus Cristo! Jovem..vá para algum lugar e morra! Que apenas Deus e o inferno saibam seu nome. Deus porque Ele te ama e seu Espírito é poderoso sobre você, e o inferno porque ele te odeia. VÁ, PREGUE E MORRA!”                        Paul Washer


God Bless.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Imoralidade Sexual: Cuidado!





            O mundo hoje em dia está saturado de sexo. Pra todo lado que a gente olha, tem uma apelação sexual sem tamanho, e isso muitas vezes tem entrado na vida do povo de Deus como algo normal. E se não normal, aceitável. O apelo é tão forte porque ele foi criado para destruir as pessoas mesmo. Esse é o objetivo, mas as pessoas não percebem porque o criador disso tudo faz as coisas muito minuciosamente, mas por trás de cada piadinha suja lá está ele, por trás de cada cartaz de cerveja com uma mulher quase nua está ele também; nas revistas, sites e filmes de pornografia, ele também está movendo todo o plano de fundo, segurando as cordinhas que movimentam e manipulam os fantoches. Nas palavras ditas com duplo sentido, na exposição desenfreada do corpo, na masturbação, na prática do “ficar”..poderia ficar aqui até à noite citando diversos exemplos de como Satanás tem manipulado a sociedade. Sim, Satanás. Ele é o autor de tudo isso, é ele quem está por trás. Os que praticam e incitam tais coisas muitas vezes não percebem porque tudo isso se apresenta como algo bom à primeira vista, algo prazeroso, muito legal..mas depois sempre leva a vida das pessoas à desgraça de um casamento que acaba por traição, ou faz casamentos serem infelizes por conseqüência dos anos de masturbação do marido; as gravidezes inesperadas, feitas muitas vezes no banheiro de uma casa de show, resultado de mentes já tão saturadas com a imoralidade sexual, que nem conseguem ver um palmo de discernimento à frente de seus olhos. E isso só acontece porque o inimigo cega o entendimento desse povo (2Co 4:4) e os impede de conhecer Cristo e consequentemente saber o quanto Ele odeia essas coisas. A bíblia condena o tempo inteiro a imoralidade sexual, no Velho Testamento isso é falado muitas vezes.
            O Povo de Israel em diveeersos momentos se misturou com povos estranhos e viveu em práticas de imoralidades sexuais..e ah..como Deus odiava aquilo! Em Nm 25 narra-se uma das vezes em que o povo se corrompeu, “Enquanto Israel estava em Sitim, o povo começou a entregar-se à imoralidade sexual com mulheres moabitas, que os convidavam aos sacrifícios de seus deuses. O povo comia e se prostrava perante esses deuses. Assim Israel se juntou à adoração a Baal-Peor. E a ira do Senhor acendeu-se contra Israel.” V.1-3. É importante destacar que os cultos de adoração à Baal eram cultos em que tinham práticas sexuais, existiam as “prostitutas sagradas” e ali eles faziam toda sorte de práticas sexuais em adoração a esse deus. Diante disso, Deus não só irou-se porque eles adoraram outro deus, como também incluíram nisso a imoralidade sexual que Ele tanto condena. E hoje vemos o Povo de Deus fazendo a mesma coisa, mas em contextos diferentes. Naquela época Israel se misturou com esses povos estranhos e por isso se corrompeu, hoje a corrupção acontece pq o povo se mistura com o mundo. E como o mundo está cheio desse mal, a Igreja acaba se contaminando com isso também.
            Porque vemos tantos casos de adultério, mulheres grávidas sem marido, adolescentes perdendo a virgindade, sites sujos como os mais visitados em computador de crente, revistinhas sensuais escondidas em algumas gavetas.. pq as pessoas não tem vigiado e buscado viver livre do mundo.. Deus manda a gente se separar, mas continuamos lá no mundo, se satisfazendo com o que o mundo oferece e sem um pingo de discernimento do Senhor! Se lêssemos mais a Palavra veríamos nela como Deus abomina tudo que é imoralidade sexual, conheceríamos mais a Ele e quem sabe nos manteríamos livres dessas nojeiras frutos do pecado.
            “Ponham depois a panela vazia sobre as brasas para que esquente até que o seu bronze fique incandescente, as suas impurezas se derretam e o seu resíduo seja queimado e desapareça. Mas ela frustrou tosos os esforços; nem o fogo pôde eliminar seu resíduo espesso! Ora, a sua impureza é a lascívia. Como eu desejei purificá-la, mas você não quis ser purificada, você não voltará a estar limpa, enquanto não se abrandar minha ira contra você.” Ez 24:11-13
            Nesse texto, em que Deus fala a Jerusalém através do profeta, deixa bem claro pra nós o quanto Ele detesta a impureza que ele fala claramente que é a lascívia (v.13), e também mostra o quanto quer nos purificar dela. Purificar completamente, sem deixar resíduo algum, ou seja, não adianta jogar as revistas fora e parar de ver os sites, mas se os pensamentos vivem lembrando daquilo, existe resíduo e Deus não está contente ainda. Precisamos de uma limpeza completa! E glória a Deus pq Ele quer fazer isso com a gente!! Mas o texto também deixa claro que se não quisermos a purificação, não vai adiantar nada Deus ansiar nos purificar. Para termos uma vida santa não depende somente de Deus, nós também temos que nos esforçar.
            Apesar do texto ter ficado um pouco longo, espero que tenha falado ao coração de pelo menos uma pessoa e assim Deus tenha respondido minha oração. Que o povo de Deus busque a santidade e não acumule ira do Senhor sobre si, porque se não..coitados de nós.. (Hb 12:29)

”Fujam da imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém comete, fora do corpo os comete; mas quem peca sexualmente, peca contra o seu próprio corpo. Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos? Vocês foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o seu próprio corpo.” 1Co 6:18-20

domingo, 30 de setembro de 2012

Quando o Rei não quer adoração




Num país muito, muito distante e há muito, muito tempo atrás, houve um povo que amava muito seu rei. Ele era um bom rei, talvez o melhor de todos os tempos, e eles eram um povo muito bom e que tinha muito potencial. O rei tinha muitos planos para seu povo e pediu que eles fizessem algumas coisas. No início, todos do reino estavam empolgados e fizeram tudo que o rei pediu, mas depois de um tempo eles cansaram de fazer o que o rei pediu porque não viram muitos resultados e descobriram outras coisas que eles acharam melhores e que podiam ser feitas em nome do rei. Ao invés de trabalhar ou ir para a escola, eles dançaram e fizeram cânticos. O tema sempre era o mesmo; tudo era sobre o rei. Como eles amavam seu rei. Não tinha cânticos suficientes para cantar sobre seu rei. Nunca era demais cantar sobre ele.
Um dia o rei estava passeando no seu reino e, por onde ele olhava, via pessoas dançando e cantando sobre ele. O rei achou legal no início, até ver a bagunça que seu reino tinha se tornado. Nada estava no lugar certo e nada estava sendo feito do jeito que ele tinha pedido. E quando ele desceu do seu cavalo, ao invés de se prostrarem diante dele e beijar seu anel, as pessoas começaram a puxar suas mãos pedindo que ele dançasse com eles. Ele puxou suas mãos de volta e, irritado, foi à direção do seu castelo com uma promessa, que nunca ia voltar para aquele povo que não fez o que ele pediu e não tratava ele como rei, mas como uma pessoa qualquer. E, além disso, ele ia mandar uns dos seus soldados para ensinar a eles o que é reverência e obediência. Mas o povo não sabia nada disso, pois quando o rei saiu, eles não entenderam por que ele não ficou. Será que ele não gostou dos seus cânticos? Será que ele não gosta de dançar?
 E bem aí nós nos achamos hoje em dia na igreja. Uma igreja “apaixonada” pelo Rei, mas que não faz nada do que ele pede. “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a
guardar todas as coisas que vos tenho ordenado”. Uma igreja que vive na prática do pecado e não vê perigo lá, “Apartai-vos de mim, os que praticais a iniquidade”, mas não
param de cantar. Uma igreja que é mais amiga do mundo hoje do que ontem. “Gente infiel! Será que vocês não sabem que ser amigo do mundo é ser inimigo de Deus? Quem quiser ser amigo do mundo se torna inimigo de Deus”.

 “Mas, nós temos nossa adoração íntima e isso resolve tudo”.

Meu amigo, Deus não está interessado em nossa adoração enquanto nós não obedecemos a Sua palavra. Deus não está interessado em nossos cânticos de paixão por Ele enquanto vivemos transando com os nossos amantes desse mundo.


“Grite alto, não se contenha! Levante a voz como trombeta. Anuncie ao meu povo a rebelião dele, e à comunidade de Jacó, os seus pecados. Pois dia a dia me procuram; parecem desejosos de conhecer os meus caminhos, como se fosse uma nação que faz o que é direito e que não abandonou os mandamentos do seu Deus.”
                                                                                                                      Isaías 58: 1 e 2a

Texto de Jeff Fromholz

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Abra mão



“Jesus entrou em Jericó, e atravessava a cidade. Havia ali um homem rico chamado Zaqueu, chefe dos publicanos. Ele queria ver quem era Jesus, mas, sendo de pequena estatura, não o conseguia, por causa da multidão. Assim, correu adiante e subiu numa figueira brava para vê-lo, pois Jesus ia passar por ali. Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e lhe disse: ‘Zaqueu, desça depressa. Quero ficar em sua casa hoje’. Então ele desceu rapidamente e o recebeu com alegria. Todo o povo viu isso e começou a se queixar: ‘Ele se hospedou na casa de um ‘pecador’ ‘. Mas Zaqueu levantou-se e disse ao Senhor: ‘Olha, Senhor! Estou dando a metade dos meus bens aos pobres; e se de alguém extorqui alguma coisa, devolverei quatro vezes mais’. Jesus lhe disse: ‘Hoje a salvação entrou nesta casa! Porque este homem também é filho de Abraão. Pois o Filho do homem veio buscar e salvar quem está perdido.” Lucas 19:1-10


            Não fazia nem uma hora que Zaqueu havia tido um encontro com Jesus e já estava dividindo seus bens com os pobres e se arrependendo dos pecados e reparando os erros. Ele havia acabado de conhecer o Deus Homem e a vida dele já mostrava frutos de arrependimento(Mt 3:8). As pessoas criticaram, olharam com rabo de olho e se magoaram porque elas talvez fossem muito santas e o Santo não quis se hospedar na casa delas e sim na casa daquele “pecador”. Jesus vem nos mostrar com isso que todos somos iguais e que Ele não faz distinção, porque Ele conhece o coração de todos. Ele sabe a maldade e a vontade que habita dentro de cada um e por isso mesmo Ele sabia que aquele havia sido o momento escolhido pelo Pai pra transformação daquela vida e consequentemente, da sua família (v.9).
            Jesus chamou e Zaqueu simplesmente foi. E foi tão real e tão intenso que causou uma mudança tão rápida. Nós, muitos com anos de Igreja, com não sei quantos versículos decorados, com a bíblia lida inteira umas três vezes, não conseguimos entregar tudo o que Zaqueu entregou. Não conseguimos desgarrar de coisas tão simples e menores do que aquilo que imediatamente Zaqueu quis largar. Ele logo identificou a raiz do que o afastava de Deus e tratou de se desfazer daquilo o mais rápido possível. Mas e nós? Tantas vezes percebemos erros gigantescos, outros nem tão grandes assim, e não temos coragem de abrir mão, de se deixar ser moldado, ser transformado e de ouvir Jesus dizer: “Hoje a salvação entrou nessa casa!”. Porque a salvação entra quando o Espírito toca e somos convencidos do pecado; mas depois disso, é necessário haver um abandono do pecado e uma mudança de vida.
Está disposto?
                                                             

domingo, 26 de agosto de 2012

Escolha o que é necessário


“Respondeu o Senhor: ‘Marta! Marta! Você está preocupada e inquieta com muitas coisas; todavia apenas uma é necessária. Maria escolheu a boa parte, e esta não lhe será tirada’ ” Lc 10:41-42


Você já deve conhecer a história: Enquanto Marta estava ocupadíssima e atarefadíssima com seus afazeres, Maria assentou-se aos pés de Jesus para ouvir sua palavra e Marta se indignou com isso e pediu que Jesus mandasse a “descansada” ir ajudá-la. E aí nosso belo e muito sábio Salvador respondeu o que acabamos de ler a cima. 
            Isso tem muito a ver com nossa vida hoje. São muitos compromissos, eventos, trabalhos, responsabilidades..ufa! até encontrar um tempo pra pensar com mais calma sobra a vida é difícil, e o pior, até encontrar um tempo pra conversar com o Papai é complicado! E aí é que o calo começa a apertar pra nós, porque sendo servos e FILHOS, em hipótese alguma o que faz nossa comunhão com Deus crescer pode ser deixado de lado.
            Jesus deixa bem claro no texto que apenas uma coisa é necessária e que Maria havia escolhido essa boa parte e não lhe seria tirada. Pra nós é o mesmo, quando entendemos que ouvir Jesus e estar com Ele fazendo o que Ele deseja é a única coisa necessária pra nossa vida, a gente deixa de correr tanto, se desesperar tanto.. a gente consegue entender que estar aos pés dEle é a melhor parte e ela NUNCA nos será tirada! Toda a correria, todo o esforço..isso um dia nos será tirado, seja pela velhice, por uma perda..por nossa morte.. mas aquele que escolher somente o que é necessário, seu corpo pode até parar de respirar, mas sua alma vai estar mais viva do que nunca!


quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Encontro com hora marcada




            É inexplicável quando você ouve o chamado de Deus e simplesmente vai. Algo te impulsiona a ir adiante e por mais que você não saiba onde aquilo vai dar, algo te diz pra ir..e mais tarde você acaba descobrindo que o Caminho te leva ao eterno. Seu coração começa a mudar e você passa a ter umas atitudes diferentes, e o que antes era normal já te causa um estranhamento terrível. Como um vento refrescante num dia quente, é a paz que invade seu ser e te faz desabar em gratidão. Como chuva sob uma terra ressequida pelo sol é o amor que vem aos poucos molhando e depois de um tempo, deixando toda a terra de um lugar chamado coração encharcada. Encharcada com tudo o que há de melhor, e tudo o que há de melhor se chama Deus.
            Então, um belo dia você acorda e descobre que aquilo tudo... era mais verdade do que você podia imaginar. A esperança que te preenche mostra que a vida não se resume só a isso que chamamos de mundo e que saber disso é libertador. Seu coração não se aguenta e você percebe o porquê de Jesus ter nos mandado IR. Anunciar a um povo sofrido, que chora, que vive aprisionado, que não tem pra onde ir e que por não conhecer a esperança se entrega a tantos caminhos tortuosos na vida, é um chamado que quando obedecido se torna a maior fonte de alegria do filho de Deus, porque agradá-Lo é o maior objetivo e fazê-lo feliz a maior vontade, e quando se anuncia o Seu Reino aos perdidos, Sua vontade e Seus anseios estão sendo respondidos.
            E aí então você pode perceber que quem te criou é o mesmo que antes da sua criação já tinha a data marcada do encontro com você e o que isso ia acarretar em sua vida – consequências eternas, que te tornariam uma pessoa cada vez mais cheia e parecida com Ele mesmo, o Seu Criador.

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Unidos por amor





“Pai Santo, protege-os em teu nome, o nome que me deste, para que sejam um, assim como somos um.”  João 17: 11b

Existe algo sobre sermos um que é fascinante: a benção de Deus sobre isso. Deus ama a unidade do Seu povo, no entanto que Ele nos mandou vários recadinhos pela Palavra pra nos mostrar o valor que Ele dá pra isso. Paulo falou muito sobre isso no início de 1Co 3, ele fala sobre as divisões na igreja e o quanto isso é destrutivo para a comunhão e ainda refere-se a pessoas que causam divisões como a crianças na fé. Não tem pra onde fugir: a unidade mostra amor e Deus manda amarmos uns aos outros com dedicação(Rm 12:10).
Mas o problema é que muitas vezes esquecemos disso e acabamos por nossas próprias ações mostrando ao mundo que o Corpo não está tão em perfeito funcionamento assim. Mais pra baixo, em Jo 17:22b Jesus diz “Que eles sejam levados à plena unidade, para que o mundo saiba que tu me enviaste, e os amaste como igualmente me amaste”, a responsabilidade de sermos um implica em mostrar ao mundo que Deus enviou Jesus à Terra! Ou seja, o mundo verá que realmente Deus enviou Jesus quando vivermos plenamente unidos! E mais, eles verão que Deus nos ama incondicionalmente por meio de nossa unidade. E muitas vezes caímos na ideia de acreditar que esse corpo é só o da nossa igreja local, mas não se engane, não importa de onde sejamos, somos todos um. Aquele índio que se converteu há dois dias na Amazônia faz parte do corpo assim como o pastor da sua igreja. Por isso deve haver o amor, porque somos muito diferentes! Nunca na Terra iremos conhecer todos nossos irmãos do corpo, mas àquela parte em que temos contato, é nosso dever zelar por ela e também zelar por todo o resto que não conhecemos em oração. Se a gente se dedicar a deixar o corpo bem, nós vamos colher grandes frutos.. se o corpo está desunido, seja aquele que vai promover a união! Se alguns membros estão sendo canal de um vírus chamado fofoca, seja o remédio oração e não permita que o vírus se alastre por todo o Corpo! Se o problema tem sido a desunião das várias denominações existentes, joelho no chão e amor no coração pra não se achar melhor do que ninguém e entender de uma vez por todas que não importa o que as pessoas fazem, elas creem no Senhor e ele as ama, portanto é meu dever amar também. Chega de intolerância com os membros do próprio corpo! Como querer levar a paz aos de fora se o próprio corpo anda em total confusão? Intolera sim, a mentira, o pecado, toda mensagem que for contra ao que Deus quer, mas intolera com amor e isso é possível. Exortai-vos e edificai-vos a Palavra diz (1 Tessalonicenses 5:11).
Hoje a Igreja está muito dividida, mas eu creio que quando nos levantarmos pra vivermos aquilo que Deus deseja de fato, ainda que mais ninguém viva, nós vamos fazer a diferença e isso pode ser usado por Deus pra mudar, quem sabe, até mesmo a história da Igreja. E o mais maravilhoso é ver que quando vivemos o que Jesus manda, nós vemos suas promessas cumpridas em nós! Entendemos bem o que esse versículo de João 17:22 quer dizer na prática. Participo de um grupo chamado Projeto Resgate, já falei dele por aqui. Nós somos um grupo interdenominacional de jovens que buscam levar a Palavra e a salvação de Deus e usamos como a maior estratégia as artes como teatro, dança, pirofagia, stomp… semana passada estávamos num bairro próximo fazendo o que chamamos de Impacto, que é a apresentação dessas artes para chamar atenção do povo e depois que as pessoas estão reunidas nós as abordamos e apresentamos Jesus. Ministramos numa praça que estava bem cheia e tinha uma mesa com muitas pessoas um pouco alteradas pela bebida, e dois dos nossos irmãos foram conversar com eles. Um ficou zombando e falando várias besteiras para eles, mas os outros escutaram e depois eu tive a oportunidade de conversr com um dos que prestaram atenção no que eles falaram e ele estava fascinado porque nós somos um grupo interdenominacional. Ele falou que se admirou com isso, pois sermos de várias igrejas mostra que não estamos querendo promover nossa denominação e sim que o foco é Deus. Olha o que Jesus disse acontecendo aí! Isso realmente não tem preço. E ah, depois um desses dois irmãos que falaram com essa galera entrou no facebook e o cara que tinha zombado deles pediu perdão e pediu para que ele fosse na casa dele explicar mais sobre “isso”.. ou seja, Jesus.
Dá pra ver irmãos, que quando nos desprendemos daquilo que nos afasta, o corpo pode viver unido e sadio, mostrando ao mundo que não importa quantos templos materiais existam, nós todos somos um só, para a glória de Deus.


quinta-feira, 26 de julho de 2012

O Deus que surpreende...





            Deus sempre nos leva para além das nossas expectativas, e isso é bem claro quando vc resolve fazer da vontade de Deus o seu maior objetivo. Quando a Bíblia diz que “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam” (1Co 2.9), quer nos mostrar a maravilha que é amar a Deus e as surpresas infindáveis que a gente recebe nessa caminhada. Nesses últimos 10 dias eu vivi muito disso. Eu e uma galera saímos aqui de Angra/RJ e fomos parar lá no povoado de Poção, parte do município de Tucano, na Bahia. Nós já vínhamos nos reunindo e orando por essa viagem há bastante tempo, mas não sabíamos ainda o local que iríamos. Quando chegamos em Aracaju (o local é divisa SE/BA) é que descobrimos para onde iríamos. O povoado é bem distante da cidade e o retrato da seca é entristecedor. E por ser um povoado, não é muito grande e a gente pode se aproximar bastante das pessoas. Visitá-las e nos relacionar com elas. Vemos na palavra que Jesus ama os relacionamentos, ele almoçava na casa das pessoas, conversava, caminhava, lanchava com elas.. e sem contar o fato de que Ele veio à Terra para poder restaurar o relacionamento dos homens com Deus. E com base nisso, a gente aprendeu um pouco mais a ser como Jesus. A bater de porta em porta, a escutar os problemas, enxugar as lágrimas, proclamar libertação, anunciar que Ele virá, dar orientações... criar laços. E hoje o que as pessoas mais precisam é ver Jesus em nós. A maioria já escutou muito sobre Ele, mas poucos o viram manifesto na vida dos que se dizem cristãos. E isso será mostrado em grande parte, nos relacionamentos. Por isso a importância deles.
            E hoje eu posso ver o quanto Deus surpreende a gente, nos lembrando de coisas tão simples e mostrando na real, no trabalho mesmo, a necessidade. Como eu disse no início, quando a gente ama a Deus e busca estar sempre na Sua vontade, não fazemos ideia do que Ele pode fazer. O negócio é confiar e deixar Ele fazer, deixar Ele usar. É se colocar a disposição e deixar Ele ir fazendo através de nós. Quando isso acontece, as surpresas são as melhores possíveis, porque Ele sempre tá disposto a surpreender e a ensinar.
Mesmo quando achávamos que algo estava dando errado, Ele mostrava que era Ele no controle. Certa noite organizamos um cinema pros jovens do povoado e lá, poucos jovens vão a igreja e a maioria não gostam nem de nada relacionado a ela. E naquela noite uma sala da escola que usamos emprestada, estava simplesmente abarrotada de jovens! E o data show não queria pegar...depois de várias tentativas e já na metade do filme, resolvemos parar e o pr levou uma mensagem em que muitos deles puderam ouvir de Jesus e até levantaram no apelo como um primeiro passo. Se o filme tivesse ido até o fim, seria difícil segurá-los ali, pois seria muito tarde. Naquela noite entendemos que o controle está com Deus e não naquilo que nossos esforços são capazes de fazer. E no dia seguinte, vários jovens nos procuraram para saber como poderiam ver o filme inteiro (que é aquele “Para salvar uma vida”). Essa foi uma das experiências que tivemos e que fizeram nos aproximar mais do Criador.
Com tudo que consigo reunir de lembranças, num misto de saudade, alegria, satisfação, gratidão.. te digo que nosso Deus é o Deus que surpreende extremamente, e se vc o ama e quer fazer a vontade dEle, vc vai ter muitas experiências maravilhosas. Nós fomos nesse trabalho sem nem saber o que iríamos fazer e lá fomos muito úteis, porque Deus quis nos usar e nos dispomos a isso. Cada lágrima que rolou, cada sorriso, cada cartinha das adolescentes que fiquei amiga, cada abraço das crianças e no ultimo dia o choro e a promessa “ a gente vai voltar!” nos fez perceber que as pessoas so precisam de quem as ame; em todo lugar há gente abandonada, gente que ninguém se importa, e não precisa ir ao sertão nordestino pra ver isso. Por onde vc andar terá pessoas assim, só precisando que a gente aja como Jesus. Só precisando que a gente ame a Deus e se disponha a amar o que Ele ama..e então, se preparar para as melhores experiências da vida.



God Bless You!!

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Os desafios da Caminhada



To aqui sentado na praça de alimentação da minha faculdade,semana de prova. A maior loucura!! Todo mundo preocupado com o conteúdo de prova se vai conseguir chegar lá. O engraçado é que todo o período é a mesma coisa! Agente até sabe que vai rolar a semana de prova, que é ideal ir se preparando pra ela, estudamos mas sempre rola aquela insegurança, os questionamentos logo aparecem: será que estudei o suficiente? Será que vai dar certo? O que será que vai cair?
Meditando nisso, percebi que na nossa caminhada não é diferente!  Esses momentos em que somos postos a prova sobre nossa fé, intimidade com Deus e consequentemente visão sobre o cristianismo às vezes tem a mesma pressão sobre nós. Somos confrontados pela família,amigos e a sociedade. Porque fazemos parte de um grupo, somos classificados nele, observados pelos de fora em nossas palavras, ações, reações e intenções. A isso o Apostolo chamou de “nuvem de testemunhas “. A galera que ta de olhos em nós e espera encontrar evidencias da nossa escolha.
Quantas vezes não me pergunto se sou aquilo prego, acredito e sigo. Me pergunto o quanto estou falando e agindo a respeito, se realmente sou testemunha de Cristo a todos que me cercam. Se a galera do trabalho consegue enxergar o quanto Deus é real pra mim, se meus amigos percebem o quanto seguir a Jesus é bom pra mim, se aqueles que se aproximam conseguem sentir o amor de Deus que a todos assiste sem preconceitos nem distinção.
Pode crer cara é muita pressão, mas ela pode medir o nosso comprometimento com o que nos dispomos a fazer. Assim como na escola, curso, faculdade e tantas outras formas de se comprometer que arrumamos. Com Deus não é diferente, à medida que nos aproximamos do Senhor e nos entregamos a Ele decidindo ter uma vida diferente onde ele rege as nossas ações, escolhas e caminhos, o Espírito de Deus nos leva a sempre refletirmos sobre nosso desempenho no Reino de Deus. E aí aqueles estudos me começam a vir à tona: “plano de salvação”, “Batismo nas águas e no Espírito”, ”Relacionamento  com Deus” e tantos outros que eu tenho certeza que vocês já tiveram.
Com Deus aprendi que aqueles que tem preocupação de saber como estão indo em suas vidas, vão mais longe porque dependem de Deus. Esta escrito que Ele está perto daqueles que O buscam, o próprio Jesus disse que não nos deixaria órfãos e essa é a melhor companhia que temos na vida. O próprio Deus está conosco e nos mostrará o caminho. É por isso que o apóstolo Paulo escreveu que andaremos por fé e não pela vista!!Porque se buscarmos referencias nesse mundo vamos nos desviar do caminho, porque somos errantes e limitados. Mas em Deus somos completos “porque Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas.”

Por Rodrigo Silva

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Envolva-se!





                Nesses dias vários assuntos que eu já vinha sendo esclarecida, ganharam uma luz maior e eu pude entender por pessoas muito mais experientes e vividas na caminhada cristã do que eu, grandes coisas! Principalmente no que se diz questão à Missão.
                Tá que a Missão é ordem de Deus, mas quantas vezes a gente realmente leva isso a sério? A Missão tem que ser feita com amor pelos perdidos e vista como necessidade do mundo, mas antes de tudo isso, a Missão é ordem de Deus. Não existe meio termo, tá no imperativo, é “IDE” e não “Se tiver como, vá”. E infelizmente a gente vê muito isso hoje.. ahh eu não tenho  chamado missionário, esse não é meu dom.. Epa, mas peraí, se você não tiver sido chamado pra anunciar os atos poderosos de Deus pra todo mundo, então você tá no lugar errado! Se você é um regenerado no Senhor Jesus, isso é consequência quase que imediata. Leia João 4, a história da mulher samaritana; ela mal conheceu Jesus e já foi contando pra todo mundo quem Ele era e o que tinha feito por ela, e não só ela, mas vemos tantos outros exemplos disso na bíblia! E se você ainda tem dúvida e acha que seu chamado não é o “IDE”, dá uma lidinha em 1 Pedro 2: 9-10.. Note que Pedro fala “Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” Podemos notar que quando ele usa a palavra “para” dá pra perceber claramente que nós somos geração eleita, sacerdócio real e tudo o que ele nos descreve, para podermos anunciar as grandezas de Deus! Ou seja, se você é do povo de Deus e foi regenerado nele, é seu dever anunciar! Essa tarefa não é de um pequeno grupo, é de todos! O ide que Jesus fala nos evangelhos é nosso dever e não opção. O que existe são chamados individuais em que alguns são premiados e recebem o chamado de obedecer à ordem de Deus integralmente em outro lugar e se dedicar somente a isso. Mas não é porque você trabalha num almoxarifado ou limpa pára-brisas que vc não faz missão integralmente. Porque se não, o que seria daqueles que vivem nos escritórios, daqueles que nunca conheceram um missionário, dos que moram nas mansões ou dos que trabalham nos postos de gasolina?!
                E é aí que entra a questão toda.. porque entendermos que devemos anunciar e às vezes achamos que anunciar os atos poderosos de Deus é só com palavras..mas não é só com isso, e você que acompanha o blog há algum tempo, já deve ter lido por aí e percebido que eu bato na tecla mais da ação do que das palavras, alertando sempre que o anunciar com palavras é muito importante, mas se o que a gente diz não tá de acordo com o que vivemos..do que adianta? Mas quando resolvemos viver isso de fato, anunciar os atos poderosos de Deus em ações, as coisas tomam uma proporção tão grande que você nem imagina o que Deus pode fazer. Mas para isso é preciso se envolver! Como eu vou amar alguém com o amor de Deus se eu não me envolver com a vida dela? Como eu vou cumprir a ordem de Deus do IDE se eu não me envolver nisso tudo? Não adianta querer falar de Jesus superficialmente, porque as pessoas estão sedentas, e a maioria se assemelha àquela passagem que Jesus tem compaixão porque as pessoas “eram como ovelhas sem pastor” (Mr 6:34), então como anunciar os atos poderosos de Deus sem demonstrar esse poder nas nossas ações? Como visitar uma família pra compartilhar de Deus e sair do mesmo jeito, se aquela família está toda bagunçada emocional e espiritualmente? Assim como Jesus fez em outras passagens, depois de dar o alimento espiritual aquelas pessoas, ele deu também o físico.. varia de acordo com cada necessidade, mas de uma forma ou de outra, seja uma pessoa que vc conheceu no ônibus, seja uma família carente que vc tem visitado..não fique por cima, envolva-se! Queira se envolver na situação e poder agir de melhor forma a mostrar a vida de Deus na sua vida àquela pessoa. Não diga diante do problema de alguém “Não tenho nada com isso” ou “prefiro não me envolver”, porque se os filhos de Deus não podem demonstrar amor nas mais variadas situações e buscar em Deus soluções...quem irá fazer? Se a gente não se levantar, quem irá? Não espere que o outro vá fazer aquilo que vc pode fazer agora. Se vc pode chorar, clamar e sofrer com e por alguém que sofre, que chora e que clama, porque não fazer? Por diversas vezes eu não quis me envolver em situações,   mas Deus sempre me lembrando de que eu não tenho que ter preguiça, desânimo e nem ficar de fora das   situações, porque eu fui chamada pra isso também! E acredito que um dos maiores mistérios da vida cristã é o fato de nos descobrirmos amados por este Deus tão grande e esse amor nos impactar tanto a ponto de nos mover a fazer coisas que nunca faríamos por nós mesmos. E a vida começa a ganhar sentido quando começamos a canalizar aquilo que recebemos de Deus a outros. Envolver-se e ajudar os outros a lidar e a carregar seus dias, injeta vida nos seus.

                É ordem. Vá. Sem medo. Vá, fale, pratique e envolva-se. Não há nada melhor.















Abração galera! Até a próxima!
Toda glória seja dada a DEUS!!

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Onde está seu coração?


“Jesus sentou-se em frente do lugar onde eram colocadas as contribuições, e observava a multidão colocando o dinheiro nas caixas de ofertas. Muitos ricos lançavam ali grandes quantias. Então, uma viúva pobre chegou-se e colocou duas pequeninas moedas de cobre, de muito pouco valor. Chamando a si os seus discípulos, Jesus declarou: “Afirmo-lhes que esta viúva pobre colocou na caixa de oferta mais do que todos os outros. Todos deram do que lhes sobrava; mas ela, da sua pobreza, deu tudo o que possuía para viver.”     Marcos 12:41-44



Há algum tempo eu vinha querendo falar do coração. Pensei em vários versículos, mas pedi pro Senhor me direcionar a um, e lendo Marcos me deparei com essa situação que nos fala muito sobre onde está o nosso coração. E quero compartilhar algumas coisinhas que venho aprendendo e que aprendi com esse texto de hoje.
Nessa passagem, o que mais me chamou atenção, é que a questão toda está no coração. É dele que procedem as fontes da vida (Pr 4.23) e por isso a importância de sabermos onde nosso coração está. Você já se perguntou isso? Já sentou você, Deus e seu coração para acertarem algumas coisinhas? Não? Que tal fazer isso hoje?
Muitas vezes fazemos várias coisas em que estamos mais concentrados no próprio ato de fazê-las do que em como estamos fazendo. E é aí que entra a questão do coração. Porque a viúva pobre colocou na caixa de ofertas mais do que todos os outros? Porque a diferença estava no coração dela. Ela entendeu que o que importa é como nós fazemos e não o que fazemos. As outras pessoas entregavam suas ofertas como algo que era normal a elas fazer; estava sobrando!
A dinâmica do Reino é essa: ou você dá tudo ou você não dá nada. É 8 ou 80. Morno, em cima do muro não serve, lembra? (Ap 3:15-16). A viúva depositou mais porque ela depositou com o coração, ela não sentiu vergonha ou disse “é pouco demais”, ela resolveu entregar não as primícias, mas tudo. E isso alegrou o coração de Deus e deu pra ver claramente que é porque ela percebeu que Deus não tá ligando pro que a gente faz e pra sim, como a gente faz. Eu posso participar de uma campanha em que 900 pessoas se convertam, mas se a intenção do meu coração não for amar aquelas pessoas e glorificar a Deus, Ele não vai aprovar a ação. Da mesma forma que eu se eu ajudo uma velhinha a atravessar a rua, mas com amor no coração, Ele vai se agradar daquilo. Entende como é muito mais real do que possamos imaginar?
As outras pessoas contribuíram também, não contribuíram? e pra quem olha por cima, até muito mais do que aquela mulher, mas o Reino é para aqueles que dão tudo e não o que sobra… Jesus conhece nosso coração e a nossa mente, e os sonda para ver o que está dentro deles, por isso que a importância de saber o que está em nosso coração e como ele está quando realizamos nossos afazeres tem muito valor.
“..Então todas as igrejas saberão que eu que eu sou aquele que que sonda mentes e corações, e retribuirei a cada um de vocês de acordo com as suas obras.” Ap 2:23b
Isso também pode ser trazido para a nossa realidade de serviço e ministério. Quantas vezes não nos movemos, realizamos e fazemos muitas coisas, as vezes porque gostamos da obra, outras porque queremos nos distrair ou porque não temos mais nada pra fazer; e ainda existem momentos que estamos tão envolvidos com os nossos projetos, que não temos tempo para sonhar os projetos de Deus e portanto, damos somente o que nos sobra para Deus e sua obra. Em qualquer um dos exemplos, agimos em total desconsenso com o que Jesus deseja. Porque se eu não sirvo a Deus em casa, na escola, no trabalho, na faculdade, na igreja e etc, com todo o meu coração e me importando mais em como estou fazendo do que no que faço de fato, eu não posso agradar a Jesus. Porque? Porque aí eu passo a dar o meu resto, e definitivamente, Jesus não precisa mesmo de mim pra nada, mas Ele resolve me usar, então, com todo temor e tremor, ou eu entrego TUDO a Ele, ou eu vou ser vomitada, mais cedo ou mais tarde… (Ap 3:16)